Imprimir esta pg
0
0
0
s2sdefault

O 1% mais rico possui 48% de toda a riqueza pessoal global; 10% possuem 85%

07 Dezembro Escrito por  Michael Roberts Lido 1173 vezes

face-homemTodos os anos, eu me refiro ao Relatório Global de Riqueza do  Credit Suisse

  para uma atualização sobre o nível de desigualdade da riqueza doméstica globalmente. No ano passado, os economistas do banco descobriram que o top 1% dos detentores de riqueza pessoal em todo o mundo tinha mais de 50% da riqueza pessoal do mundo - acima dos 45% dez anos atrás. Nos EUA,  as três pessoas mais ricas dos EUA - Bill Gates, Jeff Bezos e Warren Buffett - possuem tanta riqueza quanto a metade inferior da população dos EUA, ou 160 milhões de pessoas.
O relatório deste ano mostrou algumas variações interessantes. No relatório, a riqueza pessoal é medida pelo valor da propriedade e ativos financeiros após a dedução de qualquer dívida detida por adultos. Durante os 12 meses até meados de 2018, a riqueza global agregada aumentou US $ 14 trilhões, para US $ 317 trilhões, representando uma taxa de crescimento de 4,6%. Isso foi suficiente para superar o crescimento populacional, de modo que a riqueza por adulto cresceu 3,2%, elevando a riqueza média global para 63.100 dólares por adulto, um recorde (mas lembre-se disso em termos nominais em dólares, antes da inflação).


A Suíça (US $ 530.240), a Austrália (US $ 411.060) e os Estados Unidos (US $ 403.970) novamente lideram a tabela de acordo com a riqueza por adulto. O ranking por  riqueza média por adulto favorece países com níveis mais baixos de desigualdade de riqueza e produz uma tabela ligeiramente diferente. Este ano, a Austrália (USD 191.450) ultrapassou a Suíça (USD 183.340) em primeiro lugar. Portanto, a Austrália tem a maior media de riqueza por adulto no mundo.


Como dizem os relatórios, os principais detentores de riqueza se beneficiam mais com o aumento da riqueza financeira (ações, títulos, dinheiro, etc.), levando ao aumento da desigualdade de riqueza em todas as partes do mundo. Em contraste, desde o fim da Grande Recessão, a riqueza média não aumentou e, em muitos lugares, diminuiu.


Nos últimos 12 meses, no entanto, a desigualdade de riqueza se estabilizou. Há 3,2 bilhões de adultos com riqueza abaixo de US $ 10.000. Portanto, 64% dos adultos têm apenas 1,9% da riqueza global. Em contraste, 42 milhões de milionários, compreendendo menos de 1% da população adulta, possuem 45% da riqueza familiar. A China está agora firmemente estabelecida em segundo lugar no que diz respeito ao número de milionários em dólares (atrás dos Estados Unidos e acima do Japão) e em segundo lugar também (acima da Alemanha) em relação ao número de indivíduos com patrimônio líquido ultraelevado.


Na pirâmide de riqueza global, há 3,2 bilhões de adultos (64%), com apenas 1,9% da riqueza global; outros 1,3 bilhões (27%) com 14% da riqueza pessoal global; e 430 milhões (cerca de 9%) com 39%. Isso deixa no topo, apenas 42 milhões (0,8%) com um enorme 45%. Cerca de 30% dos adultos nos chamados países ricos estão na camada inferior - devido a perdas de negócios ou desemprego, por exemplo, ou uma fase do ciclo de vida associada à juventude ou à velhice. Em contraste, mais de 90% da população adulta na Índia e na África se enquadra nessa categoria. Em alguns países de baixa renda na África, a porcentagem da população nesse grupo de riqueza está próxima de 100%!

Entre US $ 10.000 e US $ 100.000, é a faixa intermediária da pirâmide de riqueza global, cobrindo 1,3 bilhão de adultos e abrangendo uma alta proporção da chamada "classe média" em muitos países. A riqueza média deste grupo é considerável em US $ 33.100. Esse setor cresceu em impressionantes 300 milhões no último ano e há uma explicação para isso: a China (com 48% desse segmento). O enorme crescimento do PIB real e dos padrões de vida permitiu que centenas de milhões de chineses acumulassem um mínimo de riqueza pessoal. "O contraste entre o número de residentes na China (641 milhões, 59% dos adultos chineses) e a Índia (73 milhões, 8,6% dos adultos indianos) é particularmente impressionante".
Os níveis mais altos da pirâmide da riqueza - abrangendo indivíduos com patrimônio líquido acima de US $ 100.000 - representam apenas 9,5% de todos os adultos. Portanto, se você tem US $ 100.000 ou mais em ativos imobiliários e financeiros (depois da dívida), então você está no top 10% dos detentores de riqueza globalmente. Como isso é possível? Porque todo mundo abaixo de você, especialmente os dois terços inferiores, não têm nenhuma riqueza.
Esses 10% principais estão concentrados no chamado "Norte global", com 79% desse grupo. Somente a Europa abriga 156 milhões de membros (33% do total), aproximadamente o dobro do número na China (81 milhões). No entanto, apenas cinco milhões de membros (1,1% do total global) residem na Índia e apenas três milhões (0,6%) na África.
Os EUA têm, de longe, o maior número de milionários: 17,3 milhões ou 41% do total mundial. O número de milionários na China já superou o número no Japão e ficou em 3,4 milhões (8,2% do total mundial), em comparação com 2,8 milhões (6,6%) do Japão.

Depois, há os super-ricos. Em meados de 2018, o relatório estima que existam 42 milhões de adultos com patrimônio entre US $ 1 milhão e US $ 50 milhões, dos quais a grande maioria (37,1 milhões) está na faixa de US $ 1 a 5 milhões. E há apenas 149.890 adultos em todo o mundo com patrimônio líquido acima de US $ 50 milhões. Destes, 50.230 tem pelo menos US $ 100 milhões e 4.390 têm ativos líquidos acima de US $ 500 milhões. A maioria dessas pessoas está nos EUA. Se a China continuar a se expandir, o segmento médio dos detentores de riqueza também se expandirá. Mas o número de "super-ricos" deve crescer nos próximos cinco anos, atingindo uma nova alta de 55 milhões.

Na base da pirâmide, espera-se que o número de adultos com riqueza abaixo de US $ 10 mil caia de 64% do total para 61%, mas isso se deve principalmente ao aumento da inflação e da China. Cerca de dois terços dos adultos do mundo permanecem basicamente sem qualquer riqueza pessoal digna de nota. Então, não há mudança para eles.

Original: https://thenextrecession.wordpress.com/2018/12/04/the-top-1-own-48-of-all-global-personal-wealth-10-own-85/

Avalie este item
(2 votes)
0
0
0
s2sdefault
Veja algumas métricas do portal.
Subscribe to this RSS feed