Imprimir esta pg
0
0
0
s2sdefault

EUA forçam Brasil a abrir mão de seu próprio interesse ao vetar Huwaei da rede 5G, diz embaixador

Publicado em 12/01/2021 Lido 2090 vezes

O embaixador da China, Yang Wanming, afirmou que os EUA estão coagindo o Brasil a sacrificar próprio interesse para "preservar o monopólio e a hegemonia dos EUA no campo da ciência e tecnologia"

O embaixador da China no País, Yang Wanming, afirmou que os Estados Unidos estão coagindo o Brasil a sacrificar seu próprio interesse ao vetar a Huwaei da rede 5G para "preservar o monopólio e a hegemonia dos EUA no campo da ciência e tecnologia", em entrevista à Folha de S.Paulo.

O diplomata também denunciou a existência de uma campanha caluniosa do governo norte-americano contra as empresas chinesas. "Certos políticos norte-americanos forjam mentiras sobre uma suposta espionagem cibernética chinesa para confundir e coagir outras nações a sacrificarem seus próprios interesses e criarem barreiras ao avanço de países em desenvolvimento na alta tecnologia", disse Yang.

Wanming ressaltou que a China defende a proteção da segurança de dados, ao contrário de países - como os EUA - "que gritam 'pega ladrão' enquanto agem como ladrões".

Fonte: Brasil 247

Última modificação em Terça, 12 Janeiro 2021 22:41
Avalie este item
(4 votes)
Veja algumas métricas do portal.