Imprimir esta pg
0
0
0
s2sdefault

Trabalhadores da Petrobrás Biocombustível (PBio) decretam greve a partir desta quinta (20/05)

19 Maio Lido 691 vezes

Paralisação será por tempo indeterminado

Os trabalhadores e trabalhadoras das usinas e dos administrativos da PBio decidiram deflagrar uma greve, com apoio dos sindicatos das duas federações (FNP e FUP), por tempo indeterminado a partir de 0h da próxima quinta-feira (20/05), em defesa dos empregos.

A paralisação é a resposta da categoria à direção da Petrobrás, que se recusa a negociar a manutenção dos trabalhadores no quadro de funcionários da estatal.

A pauta reivindicatória defende a incorporação dos empregados da PBIO à Petrobrás, para quem assim o desejar, antes da venda da subsidiária. É importante salientar que para os empregados da Petrobrás Biocombustível não está havendo sequer isonomia em relação ao que é oferecido para os empregados de outros ativos da Petrobrás à venda.

Mas, os trabalhadores da PBio seguem o mesmo Plano de Cargos e Avaliação de Carreiras (PCAC) do sistema Petrobrás e, portanto, podem facilmente ser realocados nas demais unidades da estatal para continuar trabalhando na empresa.

Há mais de sete meses o Sindipetro-RJ, com apoio da FNP, tenta encaminhar uma negociação com a Petrobrás. Apesar disso, no último 5 de maio, após uma reunião, a representação da empresa anunciou que não fará qualquer negociação sobre a incorporação dos trabalhadores da Petrobrás Biocombustível, dando por encerrado o assunto.

Outra grande preocupação é com os trabalhadores terceirizados, que vão ser extremamente prejudicados com a privatização das unidades da Petrobrás. Eles serão demitidos e poderão encontrar dificuldades para ingressar no mercado de trabalho novamente.

Bases da FUP também vão entrar na greve, entre elas: trabalhadores da PBIO de MG e da BA. A FNP defende uma ampla unidade com a FUP e todos os Sindipetros na construção, negociação e solidariedade à greve da PBio.

Fonte: FNP

Avalie este item
(3 votes)
0
0
0
s2sdefault
Veja algumas métricas do portal.
Subscribe to this RSS feed